11 de nov de 2011

SPED: O segredo é compartilhar conhecimento


Por Edgar Madruga



Em recente evento na Receita Federal do Brasil foi divulgado que representantes de diversos países estão nos visitando para conhecer e adquirir o conhecimento obtido pelo FISCO Brasileiro na implantação do projeto SPED.


Inédito, o projeto converge interesses entre órgãos e entidades das três esferas governamentais, possibilitando uma atuação integrada sem precedentes no cenário nacional. Isso cria um incremento sem precedentes tanto da eficiência quanto da eficácia da fiscalização.
    

Este novo paradigma exige mudanças de todos os envolvidos, direta ou indiretamente. Empresários , profissionais da contabilidade, da tecnologia da informação (TI) e os próprios auditores fiscais precisam observar os impactos deste “novo” mundo digital nas suas rotinas e atividades, sob pena da obsolescência precoce. 


Entendo ser o maior desafio do SPED a mudança cultural. Diversos textos e artigos que seleciono para publicação neste blog (de diversos outros autores; de todos os recantos deste Brasil) reafirmam este ponto de vista.


Observo muitos comentários que ou o contador ou o empresário ou o programador não estão dando a importância devida para o projeto. Como superar este desafio com maestria? Disseminando conhecimento. Levar os interessados a eventos que tratam do assunto para que conheçam realmente o projeto é um caminho.


Se estes eventos não lhe atendem, crie parcerias para a realização deles ou não sendo possível levá-los aos eventos, distribua textos sobre o assunto ao menos. Mas, principalmente, não se omita. Existem textos e cartilhas muito boas sobre o assunto. Recomendo especialmente a disponibilizada pela Secretaria da Fazenda de Goiás aos seus contribuintes e demais interessados.


Esta cartilha, elaborada pela coordenação do SPED Fiscal de Goiás, presta informações bem legais para o esclarecimento da matéria, facilitando a disseminação do conhecimento, tão fundamental para a obtenção dos benefícios advindos desta poderosa ferramenta de gestão fiscal.


Portanto, recomendo que interessados distribuam entre seus parceiros esta cartilha (ou com base nela, elabore a sua), auxiliando-os a conhecer melhor este projeto.


Segue o link desta cartilha: Cartilha SPED Fiscal ICMS/IPI SEFAZ -Goiás



Veja Também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED