6 de mai de 2016

A experiência ensina para o futuro – eSocial

É senso comum que experiências negativas deixam apenas más lembranças. Digo isso baseado nas informações postadas diariamente no blog www.mauronegruni.com.br, que aborda o ambiente do SPED – Sistema Público de Escrituração Digital. São várias críticas sobre pequenas falhas ou comportamentos inesperados dos sistemas.

As reclamações quanto à implantação do Portal do Empregador Doméstico – prefiro chamá-lo dessa forma para dissociá-lo do eSocial – são justificáveis. Não se trata apenas de um sistema que fora disponibilizado sem todas as funções previstas. Foi além. Os erros apresentados impediram o contribuinte de completar o cumprimento da obrigação. Tanto foi assim que prazos tiveram de ser alterados.

É verdade que a equipe técnica estava ciente dos desafios. Os profissionais da Tecnologia da Informação têm plena ciência da maturidade de uma aplicação que produzem, e recomendam ou não a liberação para o uso. Não me pareceu que esta etapa fora considerada. Nesse caso, prevaleceu a vontade política sobre a técnica.

Passada a fase mais crítica, e com alguns desafios vencidos, o sistema encontra-se estável, mas ainda requer cuidados. O que assusta boa parte dos empregadores é que o cumprimento da obrigação do eSocial, em teoria, seguirá o mesmo caminho do Portal do Empregador Doméstico. Os entes públicos que compõe o comitê executivo do projeto eSocial têm se esforçado para não associá-lo à experiência ruim do Doméstico.

Com base nesse aprendizado, e em outras situações do projeto SPED, é possível e desejável que haja melhor planejamento sobre o cronograma de implantação. Para avaliar como está planejada a implantação do eSocial, haverá um painel específico sobre o tema no dia 12 de maio, no Teatro CIEE, em Porto Alegre, no evento Conexão SPED 2016. Os próprios gestores do projeto estarão presentes: José Alberto Maia, pelo Ministério do Trabalho e da Previdência Social; e Clóvis B. Peres, pela Receita Federal do Brasil, além de outros convidados. Para mais informações, acesse ao site: www.decisionit.com.br/conexaosped Conexão SPED 2016!

*Esse artigo foi publicado na edição impressa de 4 de maio de 2016 no Caderno JC Contabilidade

via Mauro Negruni

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED