6 de jun de 2014

Entenda como movimento, essência e propósito são imprescindíveis em sua jornada empreendedora.

Não há nada mais presente em nossas vidas e na jornada de nossas empresas do que a mudança. E as mudanças normalmente são acompanhadas de perdas. Perdemos tempo, empregos, clientes, oportunidades, relacionamentos, dinheiro. É claro que aí fica mais difícil lidar com tudo isso... Mas é certo que passaremos nossa existência vivendo mudança (a transformação do mundo externo) e transição (a transformação do mundo interno).

A palavra transição está associada a trânsito. Estar em trânsito é estar em movimento, movendo-se de um ponto a outro. A todo instante. Nada está parado. Tudo é mudança, tudo está em permanente transformação.

O momento presente nos ilude com sua enganosa aparência estática e “arrumada” de que tudo está em seu devido lugar e amanhã estará lá de novo. Essa é uma armadilha que a maravilhosa experiência de estar vivo enseja. Tudo, absolutamente tudo muda e mudará em segundos, no mesmo ritmo em que o coração bate, em que os olhos piscam, em que o sangue navega incontinente pelas veias.

E que riscos assumimos? Vários. Mas o maior deles é o de não seguir o fluxo da vida, não confiar no curso escolhido enquanto caminhamos, com trilhas e trechos conhecidos e seguros, intercalados por outros estreitos, acidentados e desafiadores. Nessa jornada, corre-se o risco de contar apenas com tudo aquilo que conhecemos, que nos é familiar aos nossos fundamentos mais sagrados. Corre-se o risco de esquecer que a passagem para a plenitude se esconde, em geral, entre os perigos do desejo e do medo. Corre-se o risco de ignorar que o otimismo com relação ao futuro deve idealmente fluir das lições aprendidas do nosso passado de erros e fracassos.

O fluxo da vida exigirá de nós, hoje e amanhã, abrir mão de padrões cristalizados, de planos preestabelecidos, de condutas costumeiras, de ideias, opiniões e julgamentos fortemente erguidos no caminho percorrido até aqui. Será preciso, de tempos em tempos, jogar fora a atual bagagem, ou tirar os sapatos, como diz Nilton Bonder, para pisarmos no solo sagrado da realidade deste momento, já transformado no segundo seguinte.

Inspirado por histórias de mudança e transição, acabo de lançar meu novo livro: Todo novo começo surge de um antigo começo: transições de vida e carreira. Quero que este livro o inspire em seu permanente trânsito, inclusive aquele que o leva ao seu centro, à sua essência e ao núcleo de seus maiores propósitos, capazes de preencher sua biografia com esperança, prazer, sentido e significado. Ótimos companheiros, por sinal, para uma jornada empreendedora!

Rogério Chér foi diretor corporativo de RH na Natura e hoje é sócio da Empreender Vida e Carreira.

Fonte: Endeavor Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED