19 de nov de 2014

Nova reunião do Grupo de Trabalho Confederativo do eSocial

eSocial: É uma preocupação a velocidade como as mudanças
têm acontecido, já que existe a necessidade de um investimento
alto por parte das empresas. Por isso o trabalho de capacitação é
tão importante.
O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) sediou, nesta segunda-feira (17), em Brasília, mais uma reunião do Grupo de Trabalho Confederativo (GTC), criado com o objetivo de apresentar sugestões para implementar, juntamente com governo e sociedade, o eSocial. A plataforma faz parte do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) e tem como objetivo unificar, em um único sistema, o envio de todas as informações dos trabalhadores aos órgãos federais.

O CFC é representado no Grupo pelo contador Cassius Coelho. Segundo ele, uma outra versão da plataforma, que ainda não é a definitiva, foi apresentada durante a reunião. “Nossa expectativa é que este leiaute seja publicado ainda este ano, mas o cronograma não foi definido. O que podemos dizer é que estamos mais próximos de chegar a um leiaute que atenda a todas expectativas”, disse. Na reunião também foi apresentada uma versão do manual, que vai auxiliar na implementação do eSocial.

Ele lembra que a implementação será com cautela e que não vai abranger todas as empresas de uma vez. “Quando finalizado, o eSocial será dividido e explicado de forma que todos os empresários possam se adequar”. Cassius também considera os profissionais da Contabilidade os grandes agentes da implantação direta do eSocial.

“O CFC participa de fóruns e discussões, junto aos órgãos de fiscalização, para entender os prazos e obrigações. É uma preocupação a velocidade como as mudanças têm acontecido, já que existe a necessidade de um investimento alto por parte das empresas. Por isso o trabalho de capacitação é tão importante. Precisamos entender o sistema, as novas alterações e evitar que as companhias sejam multadas”.

Além do contador Cassius Coelho, que representa o CFC, participaram da reunião o coordenador do eSocial no Ministério do Trabalho e Emprego, José Maia; Daniel Belmiro, representante da Receita Federal do Brasil; Viviane Andrade, da Caixa Econômica Federal (CEF) e Harold Fontes, do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS); além de representantes da Fenacon e outras entidades.

Por Elton Pacheco

Fonte: CFC via Roberto Dias Duarte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED