15 de mar de 2014

DF: Fiscalização autua empresas do setor de carnes

BRASÍLIA (3/3/14) - Após identificar queda na receita do Imposto sobre a Comercialização de Mercadorias e Serviços (ICMS) do segmento de carnes, recolhido de forma antecipada conforme regime tributário especial, a Secretaria de Fazenda intensificou desde o fim de 2013, em todo o DF, a fiscalização de frigoríficos, abatedouros e atacadistas por meio da varredura dos dados financeiros.

A diferença entre os valores de entrada de mercadorias e o imposto arrecadado foi o que mais chamou a atenção dos auditores fiscais. As informações obtidas resultaram na autuação de algumas empresas, cuja soma supera R$ 16 milhões.

Para coibir as irregularidades, a Gerência de Fiscalização de Mercadorias em Trânsito desenhou operações específicas para o setor de carne bovina com maior concentração de apreensões nos postos fiscais das rodovias BR-040 e BR-060 e pela Fiscalização Itinerante.

No levantamento, foram realizados cruzamentos de informações nas transações interestaduais para identificar os inadimplentes e incluí-los em auditorias específicas visando à recuperação do ICMS antecipado dos últimos cinco anos.

Outra medida adotada foi o cancelamento das inscrições estaduais fraudulentas e a retirada do regime de tributação especial das empresas que utilizavam o benefício indevidamente. Para esses casos, há a cobrança do imposto devido, inclusive retroativa.

O gerente de Fiscalização de Mercadorias em Trânsito, Paulo Roberto Batista, informou que os casos ainda serão encaminhados à Polícia Civil. “Além da autuação específica, os casos de sonegação fiscal serão encaminhados à Divisão de Combate aos Crimes contra a Ordem Tributária como forma de aumentar a sensação de risco no contribuinte e para que seja recolhido o ICMS espontaneamente nas operações futuras”.
(J.S*)

Fonte: Agência Brasília via Notícias Fiscais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED