15 de mar de 2014

Semelhanças entre eSocial e NF-e: tão parecidos, tão diferentes

É da natureza do ser humano buscar conhecimento. Ser curioso. Isso é o que nos diferencia dos demais animais, isso é o que nos permitiu evoluir. Bem, isso e o polegar opositor. E o que fazemos quando nos deparamos com algo novo? Como lidar com a novidade? Comparamos com algo que já conhecemos. Algo que é do nosso domínio, a que estamos habituados e até confortáveis.

Pois bem, neste momento estamos todos nos deparando com uma grande novidade: o eSocial. Um grande projeto, com ambições maiores ainda e que será o assunto principal de extensas reuniões por muito tempo.

Como fazer para compreender uma novidade tão grande?
Como habituar-se a ela?
Como começar?

Comparando a algo que conhecemos, claro! Comparando com outro grande projeto do SPED que já permeou a nossa realidade e está presente na vida de todos: a Nota Fiscal Eletrônica (NF-e). Com esta percepção inicial, podemos aproveitar no eSocial toda a aprendizagem adquirida no projeto mais maduro do SPED até o momento e que, como o eSocial, revolucionou cultura, processos e sistemas, digitalizando obrigações, mas sem alterar a legislação.

Se compararmos o eSocial com a NF-e, perceberemos que ambos:

•    Baseiam-se em eventos;
•    Utilizam o XML para troca de informações;
•    Possuem um ambiente nacional (provido pelo SERPRO) receptor dos eventos;
•    Optaram por um viés técnico nas suas gestões de projeto;
•    Não modificam ou interferem na legislação vigente;

Baseando-se nestas semelhanças, conseguiremos entender um pouco melhor o eSocial, principalmente em relação a sua mecânica, seu funcionamento no dia a dia. Claro que precisaremos entender em mais detalhes as particularidades do eSocial, mas sabendo o que passamos durante o projeto da NF-e, já temos uma boa noção do que nos espera pela frente.

É claro que o eSocial e a NF-e também têm suas diferenças. Algumas delas fundamentais. Mas isso é assunto para outro artigo que publicarei nos próximos dias no Blog do Mauro Negruni.


Por Juliano Stedile – Especialista em Documentos Fiscais eletrônicos da Decision IT

Fonte: Decision IT via Mauro Negruni

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhando idéias e experiências sobre o cenário tributário brasileiro, com ênfase em Gestão Tributária; Tecnologia Fiscal; Contabilidade Digital; SPED e Gestão do Risco Fiscal. Autores: Edgar Madruga e Fabio Rodrigues.

MBA EM CONTABILIDADE E DIREITO TRIBUTÁRIO DO IPOG

Turmas presenciais em andamento em todo o Brasil: AC – Rio Branco | AL – Maceió | AM – Manaus | AP - Macapá | BA- Salvador | DF – Brasília | ES – Vitória | CE – Fortaleza | GO – Goiânia | MA - Imperatriz / São Luís | MG – Belo Horizonte / Uberlândia | MS - Campo Grande | MT – Cuiabá | PA - Belém / Marabá / Parauapebas / Santarem | PB - João Pessoa | PE – Recife | PI – Teresina | PR – Curitiba/ Foz do Iguaçu/Londrina | RJ - Rio de Janeiro | RN – Natal | RO - Porto Velho | RR - Boa Vista | RS - Porto Alegre | SC – Florianópolis/Joinville | SP - Piracicaba/Ribeirão Preto | TO – Palmas

Fórum SPED

Fórum SPED